Setor de serviços ajuda a alavancar empregos na região

Acumulado em doze meses reflete melhora nas contratações, puxada pelo setor de serviços. Indústria e construção civil ainda oscilam para baixo.

A região de Ribeirão Preto abriu 7.348 postos de trabalho no acumulado em doze meses até agosto de 2018, revertendo as 2.397 demissões registradas entre setembro de 2016 e agosto de 2017. O setor de serviços foi o que mais contribuiu na geração de empregos, com 4.474 novas vagas. É o que mostra o Boletim Mercado de Trabalho, do Ceper/Fundace.

Ribeirão Preto contratou 4.606 trabalhadores no período, sendo 3.893 no setor de serviços. Em contrapartida, a indústria desligou 288 pessoas. A indústria também foi responsável por destruir empregos nas cidades de Franca e Sertãozinho e influenciar no saldo negativo entre admissões e demissões, no período de setembro de 2017 a agosto de 2018. Em Franca, os cortes na indústria atingiram 2.527 trabalhadores e, em Sertãozinho, eliminaram 306 postos.

Já Campinas gerou 2.602 vagas, recuperação em relação ao saldo de 5.207 demissões no acumulado dos doze meses anteriores (setembro de 2016 a agosto de 2017). O resultado só não foi melhor em razão dos cortes na construção civil, que atingiram 636 trabalhadores.

Em São José do Rio Preto, houve a criação de 1.801 postos de trabalho, com destaque para o setor de serviços que abriu 1.578 vagas no acumulado de setembro de 2017 a agosto de 2018. Por outro lado, a construção civil demitiu 747 pessoas.

O setor de serviços também alavancou o saldo positivo no estado de São Paulo e no país. Ao todo, no período analisado, foram geradas 56.581 vagas no estado e 271.967 nacionalmente, mas o nível de desocupação ainda é alto em função das incertezas na economia, como aponta o pesquisador do Ceper Sérgio Sakurai.

“Há uma necessidade latente pela retomada do investimento para a criação de empregos, caso contrário veremos gerações desperdiçadas, principalmente pelo desalento”, avalia Sérgio Sakurai, pesquisador e coordenador do estudo, desenvolvido em conjunto com as pesquisadoras Francielly Almeida e Ingrid Nossack.

Os dados completos do Boletim Mercado de Trabalho de outubro podem ser acessados no site da Fundace: https://www.fundace.org.br/_up_ceper_boletim/ceper_201810_00402.pdf

 

Fonte: www.ribeiraosul.com.br/noticias/setor-de-servicos-ajuda-a-alavancar-empregos-na-regiao/

Compartilhe

Deixe uma resposta