Tudo sobre Marketing Multinível: entenda o conceito e como é praticado pelas empresas

Quando alguém recebe um convite para conhecer o produto ou serviço de marketing multinível, logo pensa em pirâmide, certo?

Aconselhamos rever esse conceito, porque marketing multinível não é isso.

A visão distorcida sobre marketing multinível veio por conta das pirâmides ilegais, que nos últimos tempos, foram descobertas e reveladas pelos noticiários.

Essas pirâmides ilegais eram divulgadas como marketing de rede ou MMN.

Pergunta: Você sabe a diferença entre marketing multinível e pirâmide?

Preparamos esse artigo para esclarecer todas as dúvidas sobre esse modelo de negócio, entender o conceito de marketing multinível e as oportunidades que geram esse modelo.

O que é Marketing Multinível?

Marketing multinível, ou conhecido também por MMN é um modelo de negócio, onde o profissional que realiza vendas de produtos e serviços é remunerado, assim como toda sua linha hierárquica.

Marketing multinível ou marketing de rede, é um modelo de marketing muito utilizado pelas empresas, mais comum em negócios com vendas diretas, para impulsionar as vendas e promover as marcas.

O que são vendas diretas?

As vendas diretas são uma estratégia que consiste na distribuição direta de produtos ou serviços, de modo que a relação fábrica e consumidor não tenha intermediários.

A propaganda é feita “boca a boca” pelos seus vendedores, que são independentes.

O investimento que seria destinado às campanhas publicitárias, no marketing multinível é destinado à remuneração destes distribuidores independentes.

Esses distribuidores indicam os produtos e serviços, mas também indicam outros profissionais para a realização desse trabalho, o que automaticamente forma uma hierarquia de distribuição de produtos com imensuráveis possibilidades de ganhos.

A diferença entre marketing multinível e pirâmide

Marketing multinível é um modelo de venda direta, que conta com uma rede de profissionais independentes para o oferecimento de produtos ou serviços aos consumidores.

As pirâmides financeiras são um modelo de negócio ilegal, que não estão nada ligadas ao marketing multinível. São estruturas ilegais de movimentação financeira.

O marketing multinível está fundamentado nos princípios éticos e legais, que dependendo do desempenho do profissional, podem gerar bons rendimentos.

Indícios que o negócio é uma pirâmide financeira:

  • Quando a remuneração for ligada ao investimento;
  • Quando a venda não for um produto ou serviço;
  • Quando o ganho for por ordem de chegada;
  • Quando o rendimento não for condicionado à venda;
  • Quando o negócio não for ligado a uma empresa.

As pirâmides financeiras têm vida curta: à medida que o esquema cresce, proporcionalmente, os ganhos vão reduzindo, a participação chega a um ponto não atrativo e então, tudo se desmorona.

O marketing multinível possui uma estrutura focada nas vendas e, independentemente do número de profissionais, a remuneração é condicionada à quantidade de produtos e serviços vendidos.

Como funciona o marketing multinível?

O marketing multinível é um modelo de vendas em que o profissional é remunerado mediante a sua produção de vendas e de sua rede de vendedores.

No modelo de vendas direta, a comercialização dos produtos é realizada no contato direto dos revendedores com os clientes.

Os revendedores são motivados a vender, devido as comissões serem pagas por produção, gerando lucro direto. Há também a possibilidade de atrair novos revendedores para sua rede, conseguindo lucro indireto, através de uma remuneração residual.

Dessa forma, é como se fosse uma promoção, em que o vendedor se torna um líder, ampliando sua remuneração.

No marketing multinível quando o revendedor cria a sua rede de contatos, ele é responsável pelo suporte, treinamento, orientação e o que for necessário para mantê-la motivada e engajada no negócio.

No geral, podemos afirmar que quanto mais preparada for a equipe, maiores serão as possibilidades de ganhos.

As vantagens do marketing multinível

Autonomia de trabalho

O profissional tem toda a liberdade para fazer o seu horário de trabalho. Isso é muito importante para aquelas pessoas que precisam de uma certa liberdade ou que não se sentem à vontade com a rigidez dos horários de um emprego convencional.

Entre as vantagens desse modelo de negócio, está a possibilidade de escolher a carga horária, o produto que irá comercializar e o público a quem irá oferecer o produto.

É importante estar ciente que a remuneração é diretamente ligada a produtividade.

Adquirir know how com as grandes empresas

Escolher esse modelo de vendas direta é ganhar experiência em um mercado sólido e cada vez mais crescente.

Somente em 2017, esse setor de vendas diretas movimentou R$ 45,2 bilhões no país, contando com mais de 4,1 milhões de empreendedores independentes, segundo um levantamento feito pela Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD)

Há de se respeitar, estruturas de empresas como Amway, Jequiti e Herbalife, que oferecem aos seus profissionais independentes: planos bem definidos de remuneração, inquestionável qualidade dos produtos, treinamentos e o profissionalismo no suporte a todos que estão integrados.

Remuneração por produção

Talvez seja esse o maior atrativo desse modelo de negócio, por ser justo o comissionamento. Um revendedor, ao adicionar um integrante à sua rede, dá a chance de após um tempo, esse integrante criar sua própria rede, e assim por diante, dando oportunidades de expansão a todos que acreditam e batalham pelo negócio.

Quando a estrutura cresce, o resultado é um poder de vendas mais robusto, que vai se potencializando em escalas, o que podemos definir como marketing de rede.

É importante salientar que algumas empresas limitam o comissionamento dos líderes após certas quantidades de níveis multiplicados. Raramente ultrapassam cinco redes criadas.

O objetivo da limitação é preservar a essência do negócio, a remuneração por vendas e impedir que essa possibilidade de ganho, a formação de novas redes, torne-se um canal de receita.

 

Com certeza, após sua leitura sobre esse artigo, apostamos que ficou mais claro entender as polêmicas que distorceram a imagem do marketing multinível, não é mesmo?

Com o passar do tempo, as pessoas que desconfiam desse modelo de negócio, irão ver que há profissionais éticos e corretos trabalhando seriamente.

Ficou evidente que é um modelo de negócio sustentável, com meritocracia, remuneração compatível por produtividade e a com condição de criar seu próprio network, com relacionamentos sólidos em toda a rede de vendas.

Esperamos que este conteúdo tenha ajudado você a entender melhor o que é marketing multinível. Melhore seu conhecimento sobre Marketing: faça um MBA Fundace.

 

Compartilhe

Deixe uma resposta